Notícias (190)

Assessoria de Imprensa Câmara Municipal de Santa Isabel

 

A Comissão de Obras, Serviços Públicos e Meio Ambiente da Câmara Municipal de Santa Isabel se reuniu nas primeiras horas da manhã de hoje, 30, para debater as questões relacionadas a Estrada Municipal Santa Isabel / Guararema. É que a via, que tem início na entrada da Pedreira Santa Isabel (PSI), pela Avenida Coronel Bertoldo, foi desviada pela britadora.

Visando beneficiar o município com uma contrapartida por parte da pedreira, os vereadores Ademar Barbosa, Luizão Arquiteto, Van do Negavan, Patrícia Simão, Arlete Pinheiro e Vera de Lima, fiscalizaram in loco a situação da estrada. Na ocasião, os parlamentares fizeram uma breve reunião com o proprietário da pavimentadora, e expuseram a situação. Como a estrada é do município, a ideia é que a pedreira dê uma contrapartida à população pelo uso da via.

A primeira hipótese cogitada pelos parlamentares foi a de pavimentar algumas vias importantes da cidade, como é o caso da Avenida Coronel Bertoldo (Variante), por exemplo. Entretanto, a medida ainda deve ser mais bem debatida entre a Câmara Municipal e o proprietário da PSI, o qual se mostrou contrário a proposta.

Agora, os legisladores devem organizar uma nova reunião entre os demais legisladores da Casa de Leis, a fim de cobrar uma posição da pedreira. Além disso, os parlamentares prometem colocar em pauta a situação na próxima sessão legislativa.

O CASO

O ‘sumiço’ de parte da estrada não é por acaso. Em realidade, a mineradora ocupou irregularmente a via municipal, que liga o município de Santa Isabel à Guararema. O caso já é conhecido pelas autoridades, que apuram a situação desde 2005.

Assessoria de Imprensa Câmara Municipal de Santa Isabel

 

Os vereadores aprovaram por unanimidade o Projeto de Lei apresentado durante sessão ordinária em Santa Isabel

Com o Plenário lotado, o Poder Legislativo de Santa Isabel outorgou, na noite desta terça-feira, 21, o Projeto de Lei, o qual denomina a pista de skate como Pista Municipal de Skate Erik de Deus Nunes “Cebola”. A homenagem é de autoria do vereador Zé da Mula (PSD).
Dezenas de pessoas, entre familiares e amigos do homenageado, acompanharam a sessão ordinária da Câmara isabelense. Na ocasião, um vídeo foi exibido no telão do Plenário, mostrando relatos sobre a trajetória de Erik, que faleceu prematuramente em 2013 - vítima de acidente automobilístico.
A pista de skate, situada na Avenida Prefeito José Raymundo Lobo, no bairro das Brotas, foi bastante utilizada por Erik, que aos nove anos já mostrou interesse no esporte, descobrindo a paixão pelo skate.
De acordo com relatos da família, aos 11 anos de idade Erik participou de seu primeiro campeonato, na categoria iniciante. Em 2004, ficou em 3º lugar em sua categoria e desde então, participou de inúmeras competições, obtendo muitas vitórias.
Em 2005, o isabelense apaixonado pelo skate, sagrou-se campeão na categoria iniciante em um campeonato municipal. Após isso, Erik permaneceu por seis anos sem competir, devido a uma fratura na mão. Em 8 de setembro de 2012, o skatista sagrou-se campeão no município de Guarulhos. No mesmo mês, Erik venceu o campeonato de Poá.
Por conta de um acidente automobilístico ocorrido em 2013, Erik faleceu prematuramente.
“Nada mais justo, do que oficializar com o seu nome, prestando essa homenagem ao Erik. é uma forma de relembrar e reconhecer esse jovem esportista, que deixou uma linda família e intensa saudade no seio de seus familiares e amigos”, disse o parlamentar Zé da Mula – autor da proposta.

 

Vereadores homenageiam Sebastião Claudiano

Sexta, 24 Novembro 2017 15:52

Assessoria de Imprensa Câmara Municipal de Santa Isabel

 

De autoria da Vereadora Teresinha Pedroso, os vereadores de Santa Isabel aprovaram, por unanimidade, a Moção de Aplauso “in memoriam” ao ex-vereador Sebastião Claudiano, na qualidade de ilustre cidadão, pertencente à História de nosso Município.
O homenageado nasceu em Igaratá, foi vereador em Santa Isabel e deu nome a uma rua no município: Rua Vereador Sebastião Claudiano.
"Agradeço a presença de todos e em especial aos familiares e amigos dele. Fiz uma singela homenagem e gostaria de entregá-la à família", discursou a vereadora que entregou um quadro em homenagem a Sebastião Claudiano na noite desta terça-feira, 21.
O HOMENAGEADO
Sebastião Claudiano, filho de Maria Claudiana, nasceu, provavelmente em 1877, no município de Igaratá e faleceu em maio de 1962. Era negro, nascido na vigência da Lei Ventre Livre, assinado em 28 de setembro de 1871, pela Princesa Isabel. Como seus pais continuavam escravos, uma vez que a abolição total da escravidão ocorreu somente em 1888 com a Lei Áurea, a lei estabelecia duas possibilidades para as crianças que nasciam livres: poderiam ficar aos cuidados dos senhores até os 21 anos de idade, ou seriam entregues ao Governo.
Com isto, Sebastião e seus irmãos: Maria Marcolina, Maria Lucinda e José, se desintegram da família. Sebastião Claudiano foi adotado, posteriormente, por Paschoal Judice e Dona Augusta. O pai adotivo, um italiano, transformou aquele garoto ‘livre” e alfabetizado num artesão que moldava calhas, canecas, chaleiras, tachos, alambiques, entre outros, em folhas de cobre e flandres.
Em 11 de agosto de 1927, Sebastião Claudiano tomou posse como vereador em Santa Isabel. Naquela época, entre os vereadores eleitos, um era escolhido prefeito. Sebastião foi eleito vice-presidente da Casa de Leis isabelense, vindo por força maior, assumir a presidência da Câmara de Santa Isabel. Em 28 de julho de 1930, foi eleito prefeito da cidade.
Sebastião Claudiano casou-se com Josephina Maria de Jesus em 1º de junho de 1905. O casal teve 14 filhos, desses sobreviveram seis.
“Por conta de tanta história vivida no município isabelense, não poderia deixar de apresentar esta Moção de Aplauso ao Senhor Sebastião Claudiano “in memoriam”, na qualidade de ilustre cidadão, pertencente à História de nosso Município”, justificou a vereador Teresinha – autora da proposta.

 

 

Assessoria de Imprensa Câmara Municipal de Santa Isabel

  

Na Sessão Ordinária realizada na terça-feira, 21, o Presidente da Câmara Municipal de Santa Isabel, Alencar Galbiatti (PSD), usou a Tribuna para cobrar providências por parte do Poder Executivo, no que se refere a fiscalização dos serviços que a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo – Sabesp vem realizando na cidade.

O Parlamentar salientou que tem recebido diversas reclamações e pedidos de munícipes para que providências sejam tomadas a fim de garantir a qualidade dos serviços prestados pela empreiteira contratada pela Estatal.

Na visão do Presidente da Casa, as obras de infraestrutura do município são importantíssimas, no entanto, segundo ele, os cuidados durante sua realização devem ser observados.

Para o vereador, medidas para garantir a segurança de pedestres e motoristas devem ser tomadas. Na semana passada, Alencar pediu providências no sentido de cobrir as valas abertas pela Companhia, com placas de aço. Além disso, o legislador salientou a importância em melhorar a sinalização das vias bloqueadas, bem como os cuidado tomados referente aos buracos nas ruas onde as obras estão sendo realizadas.

“Do jeito que está sendo realizadas as obras, moradores e comerciantes estão sendo prejudicados”, declarou.

 

FISCALIZAÇÃO IN LOCO

Na manhã dessa quarta-feira, 22, Alencar percorreu as principais vias de acesso ao centro da cidade quando constatou que, após as chuvas, muito barro e poças de água se formaram nas Avenidas Manoel Ferraz de Campos Salles, Coronel Bertoldo e Praça Hieróclio Eloy Pessoa de Barros.

“No percurso pude testemunhar pedestres tentando desviar da lama que se formou na Avenida Manoel Ferraz, trechos das vias liberadas para o trânsito com buracos enormes na Avenida Coronel Bertoldo e muitos buracos em frente à Câmara Municipal”, relatou.

 

Assessoria de Imprensa Câmara Municipal de Santa Isabel

 

O legislador Ademar Barbosa falou sobre os serviços de manutenção da rede de água e esgoto da cidade, realizado pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo - Sabesp. Para o parlamentar, é preciso fiscalizar e cobrar manutenção após a conclusão dos serviços.
Foi durante sessão ordinária da Câmara Municipal de Santa Isabel, realizada na noite desta terça-feira, 21, que o vereador abordou o assunto. Ademar acredita que falta de fiscalização por parte da prefeitura no que se refere a obra realizada pela Estatal.
"Gostaria que a prefeitura fiscalizasse a empresa que está acabando com a cidade. A cidade está cheia de buracos e é preciso agir", disse.
Em tribuna, o vereador questionou os serviços realizados pela Companhia. Ele lembrou o caos em que se transformou a região central da cidade, desde que a empresa iniciou o trabalho de reparo na tubulação de água e esgoto do município.
“Sei que o trabalho realizado na cidade é para o beneficio da população. Entretanto temos que fiscalizar e cobrar o poder executivo para que cobre a empresa terceirizada, contratada pela Sabesp. Não adianta reparar um problema e causar outros. As ruas estão tomadas por buracos, provocados pela empresa”, salientou.
Além dos prejuízos causados do asfalto, Ademar lembrou a sinalização precária durante as obras. “Tem rua interditada pela empresa que você só descobre que está interditada quando já está na via e é preciso retornar. Falta sinalização eficiente”, reforçou.

 

Institucional

Contatos

Câmara Municipal de Santa Isabel

Praça Prefeito Hyeróclio Eloy Pessoa de Barros, 33
CEP: 07500-000 - Jardim Monte Serrat - Santa Isabel - SP

Tel: (11) 4656-2144

Atendimento: de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 13h30 às 16h

Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

JoomShaper